Ministro da Defesa do Reino Unido libera a tatuagem para seus soldados

by Filipe Lopes
0 comment

Cada vez mais a tatuagem vem ganhando espaço e deixando de ser uma coisa marginalizada, disso todos nós estamos mais carecas que o Vin Diesel de saber. Mas quando o assunto chega na área militar são outros 500 e a galera tem muitas restrições. Nos Estados Unidos um soldado que tivesse por exemplo uma tatuagem visível deixava de ser promovido SOMENTE por ter tatuagem. Mas como as tintas e a arte da tatuagem vem conquistando mais espaço do que HD novo, em 2006 essa regra foi mudada e os soldados podem ter tatuagens visíveis e serem promovidos mesmo assim.

Um porta-voz do Ministro da Defesa do Reino Unido disse que as regras acabaram de ser relaxadas e agora os soldados poderão ter tatuagens até no PESCOÇO, desde que não apareça em fotos de passaporte ou de identificação por exemplo.

“Essa restrição era uma barreira para novos recrutas, pois a maioria deles são jovens e tatuados”

Essa mudança se deu pela queda brusca de soldados no exército por causa dessa restrição das tatuagens, que caiu de 102 mil pra 82 mil. Mas esse ano mesmo 336 prováveis soldados foram recusados por terem tatuagens, diz o porta-voz que eles não foram aceitos somente por terem tatuagens de algum cunho racista ou preconceituoso. Um em cada cinco soldados do exército do Reino Unido tem tatuagens. Mais uma vez a tatuagem vem mostrando a sua força de destruir antigas barreiras!

Um minuto de silêncio pela morte do Soldado Preconceito… HURRA!!!

Você pode gostar

Leave a Comment

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ver Mais

Enable Notifications    OK No thanks